Itaquerendo tem Rei e Rainha da Folia da Terceira Idade!

O Carnaval de Rua de São Paulo tem crescido, atraindo públicos diversos, e com características próprias.

De acordo com a Secretaria Especial de Comunicação (Secretaria Municipal de Cultura), a folia começou, oficialmente, no dia 17 de fevereiro e vai até 5 de março em várias regiões da cidade. Serão 391 blocos em 2017 (28% a mais que em 2016).

Dentre esses blocos está o Itaquerendo Folia, da zona leste – Itaquera, que desfila pelo segundo ano na terça-feira de carnaval (28/02) prestando homenagem aos 35 anos de carreira do Trio Los Angeles e que, segundo seu Coordenador, o jornalista e carnavalesco J. Ivo Brasil, a partir desse ano a folia passa a ser também dos membros da terceira idade.

‘Em São Paulo, de acordo com informações do Fundo Estadual do Idoso, a população idosa, em 2014, já representava 12,9% de todos os habitantes do Estado (SP). E esse novo perfil populacional pede ações integradas para garantir o envelhecimento ativo do idoso e fortalecer sua importância na sociedade (ainda de acordo com o Fundo), justifica o coordenador.

Portanto, pensando em fortalecer a importância desse público para a sociedade, é que foi tomada a decisão de escolher um Rei e uma Rainha da Folia da Terceira Idade para o Bloco Itaquerendo Folia.

vera_mauro

Mauro Francisco, 65 anos, e Vera Lucia, 64 anos, casados, moradores da região de Itaquera, estão no mundo da folia (carnaval) há mais de 40 anos e são, hoje, vermelho e branco de coração (Escola de Samba Leandro de Itaquera).

O casal terá seu reinado sacramentado no dia do cortejo do bloco (28/02), onde receberão suas faixas e vão cair na folia, como no ano anterior.

flyer itaquerendo.jpg

Anúncios

Tem Rei na Boêmios da Vila

A Escola de Samba Boêmios da Vila, Grupo II UESP, desfila no domingo, 26/02, no Butantã, defendendo o enredo Ariano Suassuna – o Rei , o Palhaço e o Profeta, e quase as vésperas de seu desfile resolve  inovar e apresentar aos foliões em geral seu Rei de Bateria.

Eduardo Perachini, 29 anos no mundo do samba, passista, aderecista, decorador… amante do carnaval, com passagens pela Leandro de Itaquera, Unidos de Santa Bárbara, Nenê de Vila Matilde… aos 40 anos, passa a ter em seu currículo o primeiro título de Rei de Bateria.

rei-bateria-boemios

Quando recebi o convite do carnavalesco J. Ivo Brasil, fiquei lisonjeado, feliz e ansioso, afinal de contas a responsabilidade de defender um pavilhão na avenida é enorme e espero corresponder às expectativas da escola que está me acolhendo, mas estou confiante e aguardando o dia do desfile. Espero que outras escolas abram este espaço para outros passistas assumirem o lugar de rei, afinal de contas a folia é de Momo e bateria também pode acolher um rei (comenta o novo rei).

.