Independente apresenta sua comissão de carnaval para 2018

A Escola de samba Independente, vice-campeã do grupo de acesso/2017, com o enredo: É Mentira. Vai participar pela primeira vez do Grupo Especial do carnaval de São Paulo em 2018 e na tarde desta segunda, 03/04/17, surpreendeu, e apresentou seu mais novo reforço para 2018: a contratação de sua comissão de carnaval.

novos carnavalesco da independente

Anderson Rodrigues (consagrado coreógrafo em São Paulo e Rio de Janeiro), André Cezari (com passagens pela Beija Flor e Rosas de Ouro) e Roberto Monteiro (renomado desenhista e projetista carioca do segmento carnavalesco).

A escola, em sua rede social, também anuncia que Anderson Rodrigues, além de fazer parte da Comissão de Carnaval, a partir desse momento, assume o desafio de comandar, a Comissão de Frente da escola.

Com a subida da Independente, vale lembrar que em 2018 o desfile no Anhembi reunirá quatro escolas oriundas de torcidas organizadas: Independente Tricolor, Dragões da Real, Gaviões da Fiel e Mancha Verde.

Leandro de Itaquera tem novo carnavalesco

 

IMG_20170319_115931279

A Escola de Samba Leandro de Itaquera tem um novo carnavalesco desde a manhã desse domingo, 19/03/17. Orlando Junior, volta a trabalhar na escola depois de cinco anos afastado da agremiação.

O novo ‘reforço’ da escola chega em um momento de possíveis mudanças que podem levar a escola ao tão almejado título rumo ao grupo especial.

Ele assume o posto que era do carnavalesco Rodrigo Cadete, e tem passagens pelas escolas de samba do Rio de Janeiro, Tradição (Silvio Santos), Unidos da Ponte, Portela, Lins Imperial, Arrastão de Cascadura, dentre outras, e Vitória, cinco vezes campeão pelas escolas Jucutuquara e Boa vista.

Orlando Junior, já trabalha pesquisando, desenvolvendo e produzindo enredos como carnavalesco há mais de trinta anos. Ele diz que se sente especialmente emocionado com a possibilidade de voltar a trabalhar em São Paulo, com a Leandro de Itaquera. Perguntado sobre o novo enredo o mesmo afirma que já está em processo de pesquisa e desenvolvimento e que em breve o mesmo será anunciado, mas que vem coisa boa por aí.

 

 

UESP divulga notas e justificativas 2017

uesp2017

A UESP acaba de disponibilizar as justificativas de todas as notas dos quesitos avaliados no Carnaval 2017.

Confiram e tirem suas conclusões:

Justificativas Grupo1
Justificativas Grupo2
Justificativas Grupo3
Justificativas Grupo4
Justificativas Blocos Especiais

Fonte: UESP: http://uesp.com.br/acesse-as-justificativas-das-notas/

Corte da Terceira Idade do Carnaval de Rua SP e Show do Trio Los Angeles agitam o Itaquerendo Folia.

A Segunda edição do Bloco Itaquerendo Folia, na região de Itaquera, zona leste de São Paulo, aconteceu no dia 28/02, com a presença de muitas crianças, famílias, membros da terceira idade e muito mais.

Na ocasião foi empossada a Corte da Terceira Idade do Carnaval de Rua SP  – Itaquerendo Folia 2017 (composto por Rei e Rainha da Folia).

itaquerendo_folia_30

Mauro Francisco, 65 anos, e Vera Lucia, 64 anos, casados, moradores da região de Itaquera, estão no mundo da folia (carnaval) há mais de 40 anos e são, hoje, vermelho e branco de coração (Escola de Samba Leandro de Itaquera) e J. Ivo Brasil (Coordenador Geral do Bloco Itaquerendo Folia e mentor da Corte da Terceira Idade do Carnaval de Rua SP – Itaquerendo Folia 2017 (composto por Rei e Rainha da Folia).

Quem também veio animar a festar e dar muitos autógrafos aos antigos e novos fás foi o Trio Los Angeles, que contagiou a todos com sua energia e simpatia!!!

itaquerendo_folia_016

Outra atração, serviço prestado à comunidade da zona leste, foi o ambulatório móvel da BARONG, que ofereceu gratuitamente a realização de testes de Hepatite B e C, além de HIV.

ITAQUERENDO_FOLIA_BARONG_01.JPG

Uma pena que a chuva atrapalhou a continuidade da festa, pois o show do DueRoma não aconteceu, entretanto tudo correu de forma satisfatória e ano que vem tem muito mais.

Veja a galeria de fotos (ao lado) em Itaquerendo Folia 2017

Justificativas LIGA/SP 2017 – Carnaval SP

Agora que a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo já disponibilizou as justificativas das notas dadas pelos jurados, às escolas de samba do Grupo Especial, Grupo de Acesso e foliões em geral, é hora de todo mundo parar, analisar, comemorar os possíveis acertos, aprender com os erros e começar os preparativos para 2018.

Fique por dentro das justificativas

Acesse o link da LIGA/SP: http://www.ligasp.com.br/liga/?p=8066

E para relembrar, veja a colocação das escolas.

Grupo Especial:

1º –  Acadêmicos do Tatuapé (campeã 2017)
2º – Dragões da Real
3º – Vai-Vai
4º – Império de Casa Verde
5º – Rosas de Ouro
6º – Mocidade Alegre
7º – Unidos de Vila Maria
8º – Acadêmicos do Tucuruvi
9º – Gaviões da Fiel
10º – Mancha Verde
11º – Unidos do Peruche
12º – Tom Maior
13º – Águia de Ouro (cai para grupo de acesso)
14º – Nenê de Vila Matilde (cai para grupo de acesso)

Grupo de Acesso:

1º – X-9 Paulistana (sobe para o grupo especial)
2º – Independente Tricolor (sobe para o grupo especial)
3º – Colorado do Brás
4º – Camisa Verde e Branco
5º – Leandro de Itaquera
6º – Pérola Negra
7º – Imperador do Ipiranga
8º – Estrela do 3º Milênio (cai para o grupo I UESP)

Itaquerendo tem Rei e Rainha da Folia da Terceira Idade!

O Carnaval de Rua de São Paulo tem crescido, atraindo públicos diversos, e com características próprias.

De acordo com a Secretaria Especial de Comunicação (Secretaria Municipal de Cultura), a folia começou, oficialmente, no dia 17 de fevereiro e vai até 5 de março em várias regiões da cidade. Serão 391 blocos em 2017 (28% a mais que em 2016).

Dentre esses blocos está o Itaquerendo Folia, da zona leste – Itaquera, que desfila pelo segundo ano na terça-feira de carnaval (28/02) prestando homenagem aos 35 anos de carreira do Trio Los Angeles e que, segundo seu Coordenador, o jornalista e carnavalesco J. Ivo Brasil, a partir desse ano a folia passa a ser também dos membros da terceira idade.

‘Em São Paulo, de acordo com informações do Fundo Estadual do Idoso, a população idosa, em 2014, já representava 12,9% de todos os habitantes do Estado (SP). E esse novo perfil populacional pede ações integradas para garantir o envelhecimento ativo do idoso e fortalecer sua importância na sociedade (ainda de acordo com o Fundo), justifica o coordenador.

Portanto, pensando em fortalecer a importância desse público para a sociedade, é que foi tomada a decisão de escolher um Rei e uma Rainha da Folia da Terceira Idade para o Bloco Itaquerendo Folia.

vera_mauro

Mauro Francisco, 65 anos, e Vera Lucia, 64 anos, casados, moradores da região de Itaquera, estão no mundo da folia (carnaval) há mais de 40 anos e são, hoje, vermelho e branco de coração (Escola de Samba Leandro de Itaquera).

O casal terá seu reinado sacramentado no dia do cortejo do bloco (28/02), onde receberão suas faixas e vão cair na folia, como no ano anterior.

flyer itaquerendo.jpg

Tem Rei na Boêmios da Vila

A Escola de Samba Boêmios da Vila, Grupo II UESP, desfila no domingo, 26/02, no Butantã, defendendo o enredo Ariano Suassuna – o Rei , o Palhaço e o Profeta, e quase as vésperas de seu desfile resolve  inovar e apresentar aos foliões em geral seu Rei de Bateria.

Eduardo Perachini, 29 anos no mundo do samba, passista, aderecista, decorador… amante do carnaval, com passagens pela Leandro de Itaquera, Unidos de Santa Bárbara, Nenê de Vila Matilde… aos 40 anos, passa a ter em seu currículo o primeiro título de Rei de Bateria.

rei-bateria-boemios

Quando recebi o convite do carnavalesco J. Ivo Brasil, fiquei lisonjeado, feliz e ansioso, afinal de contas a responsabilidade de defender um pavilhão na avenida é enorme e espero corresponder às expectativas da escola que está me acolhendo, mas estou confiante e aguardando o dia do desfile. Espero que outras escolas abram este espaço para outros passistas assumirem o lugar de rei, afinal de contas a folia é de Momo e bateria também pode acolher um rei (comenta o novo rei).

.

Blocos de fora de SP terão que pagar para desfilar no pré-carnaval da cidade

joao-doria-e-marx-beltrao

O prefeito de São Paulo, João Dória, e Marx Beltrão, ministro do Turismo. Reuniram-se, na terça-feira, 24/2/2017, para visitar instalações do complexo do Anhembi e na Fábrica do Samba e já que o assunto era carnaval o prefeito confirmou que blocos de outros estados terão que pagar uma taxa à prefeitura de R$ 240 mil para poderem se apresentar na cidade no período de pré-carnaval – o final de semana anterior à folia.

De acordo com o prefeito, blocos da Bahia e de Pernambuco manifestaram interesse em desfilar no pré-Carnaval de rua da capital paulista, mas ainda não confirmaram se concordam com a taxa.

“Houve solicitações de blocos de outras regiões, principalmente da Bahia. Nesse sentido, são blocos que atraem 50, 60, 70 mil pessoas. Essa taxa custeia manutenção, limpeza, segurança, movimentação das equipes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), tudo isso tem custo para a cidade”, disse Doria.

Cada bloco poderá desfilar por cerca de três horas em um dos dias do pré-Carnaval, que será realizado na região da avenida Tiradentes e da praça Campo de Bagatelle, na zona norte da cidade. Os blocos terão a permissão para vender abadás, mas não poderão usar cordões para separar o restante do público dos foliões que tiverem comprado o traje.

“O que nós propusemos é que os blocos pudessem, na medida em que possuem todos eles patrocinadores robustos, contribuírem com as taxas da cidade”, disse Doria. “É um valor razoável, não é pequeno, para que os blocos patrocinados possam desfilar na maior cidade do país. Se venderem abadás para 50, 60 mil já seria suficiente para pagar essas taxas”, destacou o prefeito.

Segundo a Secretaria Municipal de Cultura, 495 blocos paulistas já se cadastraram para desfilar pelas ruas da cidade no carnaval de rua, no período de 17 de fevereiro a 5 de março de 2017. Os blocos paulistas inscritos são isentos de taxas e recebem apoio da prefeitura para desfilar durante o período oficial do evento. A administração municipal fornece infraestrutura de segurança, acompanhamento da CET, ambulâncias e banheiros químicos.

Dream Factory vence EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO – Carnaval de Rua 2017 de São Paulo

Diário Oficial da Cidade de São Paulo

Sábado, 24 de dezembro de 2016, página 71

 

ATA DE SESSÃO

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO – Carnaval de Rua 2017

(Processo n° 2016-0.181.415-8)

 

Aos 23 (vinte e três) dias do mês de dezembro de 2016, às 16h00, no Gabinete da Secretaria Municipal de Cultura, situado à Av. São João, n° 473, 11° andar, reuniram-se os membros da Comissão Especial de Análise instituída nos termos do item 8.3 do Edital de Chamamento Público referente ao Carnaval de Rua 2017, publicado no DOC de 11 de agosto de 2016, para continuidade do procedimento. Após a impugnação apresentada pela Dream Factory Comunicação e Eventos LTDA, CNPJ n° 04.458.217/0001-09, com relação às propostas apresentadas pelos demais proponentes, e esgotado o prazo para oferecimento de respostas, o processo foi encaminhado à Assessoria Jurídica para manifestação prévia sobre as defesas apresentadas. A Assessoria Jurídica, então, opinou pelo acolhimento da impugnação apresentada pela Dream Factory Comunicação e Eventos LTDA, CNPJ n° 04.458.217/0001-09, com a conseqüente inabilitação da Liga Independente das Escolas de Samba, CNPJ n° 56.089.030/0001-70, da Organização em Comunicação e Propaganda LTDA, CNPJ n° 01.605.702/0001-61 e da SRCOM SP Entretenimento e Comunicação LTDA, CNPJ n° 17.148.525/0001-71, por desrespeito aos itens 7.3, 7.6 e 8.5 VI do Edital de Chamamento Público referente ao Carnaval de Rua 2017. De fato, enquanto a Organização em Comunicação e Propaganda LTDA, sequer apresentou defesa, a Liga Independente das Escolas de Samba apresentou manifestação apenas “reforçando” seu interesse em atuar como parceira, comprometendo-se a “firmar parcerias para atender às necessidades do evento”, sem qualquer consideração a certa dos apontamentos feitos pela Dream Factory. Já a SRCOM SP Entretenimento e Comunicação LTDA, mesmo afirmando que “toda a parte financeira ficará a cargo do patrocinador, no caso a empresa HEINEKEN”, não se desincumbiu do ônus de apresentá-lo já na proposta, conforme previsto nos itens 7.3 e 7.6 do Edital, expressos no sentido de que “no caso de participação em conjunto, todas as pessoas jurídicas envolvidas deverão estar indicadas na proposta”, “com todos os elementos e documentos necessários à confirmação de sua capacidade, de forma a assegurar a sua exeqüibilidade”. Nessa medida, a mesma Assessoria Jurídica faz importante apontamento no sentido de que, além de extemporânea, a carta de apoio da empresa “Heineken Brasil” (Cervejarias Kaiser Brasil S.A.) apresentada pela SRCOM SP sequer identifica o seu signatário, estando desacompanhada de qualquer documento societário ou contábil, não podendo ser aceita inclusive sob pena de ofensa aos princípios da administração pública, notadamente o da vinculação ao instrumento convocatório, o da publicidade e o da isonomia, assim como o “princípio da boa-fé”, incidente nas tratativas “pré-contratuais”. Por derradeiro, a Assessoria Jurídica também concluiu que a SRCOM SP não se conformou ao item 8.5 VI do Edital, no tocante à exigência de “documentação comprobatória de capacidade econômico-financeira para o ajuste, no caso, capital social ou patrimônio líquido correspondente a, no mínimo, 10% (dez por cento) do valor estimado de sua proposta”. Com isso, a Comissão decide acolher a impugnação apresentada pela Dream Factory Comunicação e Eventos LTDA, CNPJ n° 04.458.217/0001-09, para inabilitar a Liga Independente das Escolas de Samba, CNPJ n° 56.089.030/0001-70, a Organização em Comunicação e Propaganda LTDA, CNPJ n° 01.605.702/0001-61 e a SRCOM SP Entretenimento e Comunicação LTDA, CNPJ n° 17.148.525/0001-71, por desrespeito aos itens 7.3, 7.6 e 8.5 VI do Edital de Chamamento Público. Por outro lado, em continuação, a Comissão considerou que os esclarecimentos prestados pela Dream Factory são satisfatórios, entendendo, assim, que sua proposta atende ao interesse público de viabilizar uma parceria para a realização do Carnaval de Rua 2017, sendo, então, devidamente selecionada nesse sentido, sem prejuízo da oportuna homologação do procedimento por parte da titular da Pasta.

Maurício de Góis Dantas

Presidente

Alexandre Piero

Karen Cunha de Oliveira