Roberta Miranda e Sérgio Reis são homenageados pela Dragões da Real.

Por: Adriano Pera / Assessor de imprensa Dragões da Real
Fotos: Adriano Pera / Assessor de imprensa Dragões da Real

A escola de samba Dragões da Real, atual vice-campeã do carnaval de São Paulo, apresentou, na noite deste sábado (21/10), suas fantasias para o carnaval 2018 e homenageou dois grandes ícones da música sertaneja e caipira.

Roberta Miranda foi “coroada” como a Embaixadora do enredo e Sérgio Reis será o Padrinho do enredo para o próximo desfile.

Sérgio e Roberta que já confirmaram presença no próximo desfile pela agremiação, estiveram, pela primeira vez, ao lado da comunidade que lotou a “Caverna do Dragão” na zona oeste da capital paulista.

Durante o desfile das fantasias, Roberta Miranda e Sérgio Reis, alternadamente, cantaram alguns de seus maiores sucessos retribuindo o carinho de todos.

A Dragões da Real levará para o sambódromo do Anhembi no próximo carnaval, o enredo “Minha música, minha raiz! Abram a porteira para essa gente caipira e feliz”, uma homenagem a música caipira.

Anúncios

Boêmios da Vila apresenta seu Samba-Enredo para 2018

Para 2018 a Escola de Samba Boêmios da Vila leva para a avenida o enredo: DA NATUREZA AO CARNAVAL. TUDO SE RECRIA, NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA ATÉ EM FANTASIA, será a primeira escola a desfilar na segunda-feira, dia 12 de fevereiro, no Butantã e é uma das primeiras escolas a divulgar seu samba-enredo 2018.

Escute o áudio, decore a letra, guarde a data na agenda e corra pra avenida com a escola.

 

SAMBA ENREDO BOÊMIOS DA VILA 2018

DA NATUREZA AO CARNAVAL
TUDO SE RECRIA, NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA ATÉ EM FANTASIA

Presidente: Adilson Silva
Diretor de Carnaval e Carnavalesco: J. Ivo Brasil
Compositores: Dom Marcos e Diego Falanga
Intérprete: Ricky Dyzion

 

Sou boêmios da vila num só coração
O meu manto sagrado é meu pavilhão
Vou transformando a alegria é geral
Recriando nosso carnaval!!

Oh mãe natureza
Sua grandeza faz a vida se banhar
Na química a certeza da metamorfose mergulhar
A arte veio então modernizar
O folclore alastrou a cultura popular
Lendas e mitos contos e ritos
Quantas cantorias ao luar
Nas brincadeiras danças festeiras
Lindo povo a brincar

Muiraquitã, que a bela índia ofertou
Da pedra um amuleto ao seu amor
Sua beleza brilha nas estrelas
Em lua prateada se tornou

E seguindo esse caminho
O homem o calendário então criou
Entre datas e festas o tempo organizou
Uma nova era se anuncia
E faz a vida se modificar
É o mito da ave lendária que renasce das cinzas
A perpetuar como a borboleta se transforma
Na vida eu tenho jongo prá dançar

Vai meu samba sempre a lutar
Filhos de momo faz meu povo se alegrar
Vou transformar, deixa rolar, nessa folia
Nossa escola vai passar

Ensaios Técnicos Carnaval SP 2018

Já estão definidas as datas dos Ensaios Técnicos do Carnaval de São Paulo 2018. Você vai poder acompanhar as primeiras apresentações da sua escola do coração entre os dias 5 de janeiro e 2 de fevereiro de GRAÇA no Anhembi.

ENSAIOS-TECNICOS-2018-Agenda2

Fonte: LIGA SP

LIESA cancela ensaios técnicos.

Carnaval 2018 – A cinco meses do carnaval, as escolas de samba do Grupo Especial do Rio continuam com o pires na mão, sem recursos. A Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) resolveu suspender de vez os ensaios técnicos realizados entre os meses de janeiro e fevereiro no Sambódromo. A festa, que servia de teste para o desfile oficial, era gratuita e levava milhares de sambistas e espectadores à Marques de Sapucaí.

De acordo com Jorge Castanheira, presidente da Liesa, os gastos com os ensaios técnicos representam uma despesa anual que gira em torno de R$ 3,5 milhões. O dinheiro é utilizado para pagar custos como segurança, limpeza de banheiros, carros de som e até confecção de camisas para componentes das escolas de samba. Para Castanheira, a decisão do cancelamento só seria revogada se houvesse uma patrocínio.

— O ensaio técnico está sendo cancelado porque a Liesa não tem recursos. Não tem como a gente fazer. Sem recursos, só se a gente tiver um patrocínio. Por enquanto, não tem. Por 15 anos, a Liga vem bancando sozinha esses ensaios. Isso aí, prá gente, é um custo de R$ 3,5 milhões a R$ 4 milhões por ano. O dinheiro é gasto com segurança, limpeza de banheiros, controle, carro de som, a gente banca tudo. Por 15 anos, a gente bancou. Este ano, infelizmente, não vamos conseguir fazer — afirmou ele.

Fonte: Jornal Extra/RJ.

Boêmios da Vila apresenta Corte Carnaval 2018

A Escola de Samba Boêmios da Vila, prestes a completar 28 anos de idade e já se movimentando para fazer seu terceiro desfile pelo Grupo II da UESP, Butantã, apresenta sua Corte para o Carnaval 2018, composto de Rainha da Bateria, Rei da Bateria e Rainha da Diversidade.

corte boemios 2018

A Rainha da Bateria, Fabielle Souza, já fazia parte da corte como Princesa, e assume o posto de Rainha após a saída, espontânea, da Rosangela Babalu, que deixou o posto para investir em novos projetos profissionais e pessoais, o Rei da Bateria, Eduardo Perachini segue, rumo ao segundo ano de reinado e para reforçar o time entra em campo a Eliabe Furação, Rainha da Diversidade.

ELIABE FURACÃO

Ter uma Rainha à frente de uma Bateria é comum, ter um Rei está se tornando comum, pois acredito que isso reforça a figura de Momo (atualmente, fruto das transformações, este espaço não é mais privilégio, só, dos “gordos”,  coisa impensável até há poucos anos). Mas a novidade é a Rainha da Diversidade que chega para representar a multiplicidade do Carnaval, para reafirmar as transformações pelas quais tem passado nossa sociedade e mostrar que o Carnaval é uma celebração inclusiva, tem espaço para tod@s. – Esclarece J. Ivo Brasil (Carnavalesco).

Para 2018 a Escola de Samba Boêmios da Vila leva para a avenida o enredo: DA NATUREZA AO CARNAVAL. TUDO SE RECRIA, NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA ATÉ EM FANTASIA.   

“Nosso enredo vem falando, basicamente, de transformação. Nele a gente dá uma pincelada na ciência, mais especificamente na química, grande responsável pela transformação de matérias diversas em muitos produtos que usamos no desenvolvimento de nosso carnaval. Falamos de transformação social, transformação cultural… folclore brasileiro, que se apropria muito bem do termo transformação…e falamos também do carnaval, um dos grandes responsáveis por muitas mudanças sociais do século passado. Quando o asfalto subiu o morro e finalmente o morro pôde descer para o asfalto e juntos caírem nos braços de momo.” – Completa J.Ivo Brasil.

Em Cima da Hora lança samba-enredo 2018

A agremiação da zona sul de São Paulo finalizou a escolha de seu hino rumo 2018. Um desfile muito especial para todos os seus componentes, pois a escola completa 20 anos de fundação e junto com isso resolve homenagear, também, um dos grandes comunicadores da TV brasileira: Leão Lobo.

logo-em-cima-da-hora-paulistana

Acesse o link abaixo, fique por dentro do som e comecem a se preparar para cair na folia.

SAMBA ENREDO 2018 – EM CIMA DA HORA PAULISTANA

Escola de Samba EM CIMA DA HORA
Tema: Nos 20 anos da EM CIMA DA HORA… tem um leão na toca da coruja

Presidente: Jair Santos
Autor do samba enredo: Herbert Nogueira.

*O Chirriar da coruja
Vem me avisar
EM CIMA DA HORA, chegou.
Hoje eu vou para a avenida
Eu vou festejar.
As bodas deste amor….

E o Leão lobo
Não ia ficar fora dessa…
Chegou pra abrilhantar a nossa festa
Trouxe… Toda sua historia
Viva em nossa memoria
E vamos reviver aqui

De olho nas estrelas
Do Show de calouros
Programa do ratinho
Só fofocalizando
Cansado de injustiça
Tanta desigualdade
Partiu defendendo a massa
Buscando mais dignidade

Dignidade já
Dignidade já
Com o Leão, dignidade é já

E o Leão vem voando nas asas da coruja
E a coruja rugindo como um leão
E a zona sul explode de emoção

Vou te contar um segredo
Não conte a ninguém
Segredo não é fofoca
E todo mundo tem *

Boêmios da Vila abre inscrição para concurso de Samba-enredo

Após lançar seu enredo a Escola de Samba da zona sul de São Paulo, divulga os critérios para os compositores, interessados, participarem do concurso que irá definir seu samba-enredo para 2018.

Conheça, em primeira mão, o regulamento do concurso.

CONCURSO DE SAMBA ENREDO 2018

DA NATUREZA AO CARNAVAL!

TUDO SE RECRIA, NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA ATÉ EM FANTASIA.

 

Presidente: Adilson da Silva

Carnavalesco: J. Ivo Brasil

 

I – Da participação

1 – Poderão participar do Concurso de Samba-Enredo os compositores que tiverem acesso à sinopse e entregarem a ficha de inscrição devidamente preenchida, desde que cumpram as exigências deste regulamento.

2 – A sinopse, regulamento e demais documentos relativos a este concurso estará disponível de 05/07 a 05/08/2017, devendo ser solicitada única e exclusivamente através do e-mail: shirloca20@gmail.com ou através do zap 11 – 96034-5442 (falar com Shirley)

3 – Somente um compositor se obriga a solicitar uma cópia da sinopse, bem como deste regulamento, independente de quantos compositores o samba apresente, desde que o mesmo possa assinar a Ficha de Inscrição do Concurso de Samba-Enredo, e falar em nome dos outros envolvidos na criação.

II – Da entrega do samba

4 – Os sambas concorrentes deverão ser entregues no dia 20 de agosto de 2017, domingo, das 14h às 17h, juntamente com:

4.1 – 10 (dez) cópias digitadas, da letra do samba em sua integra, não podendo, em hipótese alguma, ser alterada pelos compositores depois de entregues;

4.2 – 01 CD com a gravação original, inédita e de boa qualidade do áudio do samba enredo em questão;

4.3 – Declaração, Ficha de Inscrição e Comprovante de Entrega, anexos a este regulamento, devidamente preenchida e assinada por todos os envolvidos;

5 –  Local de entrega: Rua Thomas Hudson, 53 – Jd. Imbé – São Paulo (procurar Shirley);

6 – Não haverá prorrogação das datas e/ou horários relativos a este regulamento;

III – Do concurso

7 – Levando em consideração as questões financeiras relativas à realização de concurso aberto, tomamos a decisão de assumir a responsabilidade da escolha do samba-enredo através da Comissão Avaliadora e Comissão Organizadora junto com a Diretoria Executiva da escola de samba Boêmios da Vila, ou seja, não haverá disputa aberta.

8 – AUDIÇÃO – dia 27 de agosto de 2017, domingo, às 15h, em local a ser definido, a Boêmios da Vila fará uma análise criteriosa dos sambas entregues e escolherá aquele que melhor se adequar às necessidades do enredo.

8.1 – Será excluído do concurso o samba que caracterize plágio explícito em sua letra ou melodia, que fuja do tema proposto, ou que contenham palavras ou versos de ofensa, discriminação ou outra palavra de ordem que fira o estatuto da Boêmios da Vila, bem como seus objetivos e diretrizes.

IV – Da apresentação

9 – O anuncio do samba classificado será feito no dia 30 de agosto de 2018, para todas as mídias sociais e imprensa especializada no segmento do carnaval, bem como, sua apresentação, ao vivo, na Festa de Aniversário da Boêmios da Vila (setembro, data à definir). Ficando a gravação oficial no aguardo da definição das datas oficiais apresentadas pela UESP.

V – Da premiação

10 – O samba declarado campeão receberá desta agremiação o prêmio de R$ 3.000,00 (três mil reais) que serão pagos de acordo com a liberação de verba e parcelas de acordo com o calendário da Prefeitura de São Paulo, SPTuris e UESP, destinada ao carnaval.

VI – Das decisões

11 – Todos os compositores participantes devem tomar ciência e assinar a declaração abrindo mão dos direitos autorais do samba que será cantado pelo Intérprete Oficial da Escola, isentando o GRCEES BOEMIOS DA VILA de quaisquer ônus.

12 – Todas as despesas relativas a este concurso, na etapa de pré-seleção, correrão por conta de cada compositor.

13 – Os itens ausentes neste regulamento serão estabelecidos e/ou analisados pela Comissão Organizadora do presente concurso.

14 – Ao ser escolhido o samba enredo campeão o mesmo passa a ser de propriedade da escola de samba, podendo a mesma fazer as adequações na letra, se for o caso, e que achar necessário à adaptação entre letra e/ou melodia (com ou sem o aviso prévio aos respectivos compositores).

15 – Para possíveis esclarecimentos, relativos à Sinopse, por favor, entrar em contato com o carnavalesco J. Ivo Brasil, através do e-mail: vilagebrasil@gmail.com.

São Paulo, 05 de agosto de 2017.

Rumo 2018 Morro da Casa Verde lança seu enredo!

Morro da Casa verde, décima primeira escola a desfilar no dia 12/02/18, segunda-feira, no Anhembi, Grupo I UESP, divulga seu enredo para o carnaval 2018.

Mais uma vez a escola, junto com o seu Carnavalesco Fábio Flisch (Fabinho) e toda comunidade, fazem suas apostas em um enredo afro (em 2017 com o enredo o Canto de Kianda, a sereia de Angola se faz brilhar, a escola ficou em 5° lugar – grupo 1 – UESP), mas, para 2018,  o objetivo é ir “prás cabeças”, voltar ao grupo de acesso em 2018.

O enredo levará para o Sambódromo do Anhembi a história de Luiza Mahin: africana, guerreira, líder, escrava, rainha, mãe…. uma mulher à frente de seu tempo.

ENREDO_MORRO CASA_VERDE_2018.jpg

Vem da África, do berço do mundo, uma mulher negra de origem Mahi que, sofrendo e vendo seus filhos sendo tirados de sua terra mãe, resolve fugir, aprender e lutar contra a escravidão.

A princesa africana foge para o Sudão, onde aprende os ensinamentos do alcorão, vem para o Brasil como escrava e conquista sua alforria em 1812.

Atuante em levantes escravos que ocorreram na Bahia, sendo o mais importante deles a Revolta dos Malês, 1835, após muitas lutas volta para sua terra mas deixa por aqui seu filho, Luiz da Gama, importante defensor dos direitos afro-brasileiros em terra brasilis.,

Fabinho

Carnavalesco Fábio Flish (Fabinho)

Com essa história de luta nossa escola vai para a avenida com um carnaval de raízes e origens. Acredito muito em nossa força. Será um grande desfile, podem aguardar…. Asè. Comenta o carnavalesco Fabinho, que acaba de renovar com a escola e faz questão de frisar: Sou o carnavalesco, mas tenho outras pessoas que também são responsáveis pelo trabalho, por exemplo: Guilherme Estevão (autoria do enredo, pesquisa e desenvolvimento visual junto com o carnavalesco) e Mario Caselli (desenvolvimento da identidade visual, logomarca, do enredo).

Boêmios da Vila lança enredo 2018

No carnaval de 2017 a Escola de Samba Boêmios da Vila bateu na trave durante grande parte da apuração, entretanto, acabou em quinto lugar, sua melhor colocação em seu atual grupo.

Localizada na zona sul de São Paulo, a escola começa sua preparação rumo 2018, lançando seu enredo: Da natureza ao carnaval. Tudo se recria, nada se perde, tudo se transforma até em fantasia

É o sexto trabalho assinado pelo Carnavalesco J. Ivo Brasil, que declara: “Nosso enredo vem falando, basicamente, de transformação. Nele a gente dá uma pincelada na ciência, mais especificamente na química, grande responsável pela transformação de matérias diversas em muitos produtos que usamos no desenvolvimento de nosso carnaval. Falamos de transformação social, transformação cultural… folclore brasileiro, que, aliás, se apropria muito bem do termo transformação…. E falamos também do carnaval, um dos grandes responsáveis por muitas mudanças sociais do século passado. Quando o asfalto subiu o morro e finalmente o morro pôde descer para o asfalto e juntos caírem nos braços de momo”

Aproveitando a divulgação de seu enredo a escola também apresenta à Família Boêmios da Vila e todos os súditos de Momo sua logomarca.

Boêmios da Vila 2018

Boêmios da Vila 2018. Desenvolvimento: Mario Caselli. Direção de Arte: J. Ivo Brasil.

 

Ordem desfiles UESP – Carnaval 2018

18835636_1550045191735514_5181476618657010831_n

Veja como ficou a ordem dos desfiles das escolas de samba que compõem os grupos 1,2,3,4 e Blocos Especiais para o Carnaval 2018 da UESP.

Grupo 1 – Sambódromo do Anhembi – segunda, 12 de fevereiro:

1 – Uirapuru da Mooca

2 – Dom Bosco

3 – Brinco da Marquesa

4 – Combinados de Sapopemba

5 – Amizade Zona Leste

6 – Estrela do Terceiro Milênio

7 – Torcida Jovem

8 – Santa Bárbara

9 – Camisa 12

10 – Mocidade Unida da Mooca

11 – Morro da Casa Verde

12 – Tradição Albertinense

 

Grupo 2 –  Butantã – Domingo (11/02)

1 – Unidos de São Lucas

2 – Acadêmicos do Ipiranga

3 – Flor de Vila Dalila

4 – Prova de Fogo

5 – Primeira da Cidade Líder

6 – Acadêmicos De São Jorge

 

Grupo 2 –  Butantã -Segunda-feira (12/02):

1 – Boêmios da Vila

2 – União Independente da Zona Sul

3 – União Imperial

4 – Império Lapeano

5 – Unidos do Vale Encantado

6 – Flor de Liz

 

Grupo 3 – Vila Esperança – Domingo (11/02):

1 – Valença de Perus

2 – Imperatriz da Sul

3 – Dragões de Vila Alpina

4 – Mocidade Robruense

5 – Em Cima da Hora

6 – Príncipe Negro

 

Grupo 3 – Vila Esperança – Segunda-feira (12/02):

1 – Imperatriz da Pauliceia

2 – União de Vila Albertina

3 – Só vou se você for

4 – Iracema meu grande amor

5 – Passo de Ouro

6 – Unidos de São Miguel

 

Grupo 4 –  Vila Esperança – Sábado (10/02)

1 –  Cacique do Parque

2 – Primeira da Aclimação

3 – Lavapés

4 – Cabeções de Vila Prudente

5 – Estação Invernada

6 – TUP

7 – Explosão da Zona Norte

8 – Unidos de Guaianazes

9 – Os Bambas

10 – Folha Verde

11 – Estrela Cadente

12 – Isso mesmo

13 – Portela Zona Sul

 

Blocos Especiais –  local a definnir – Domingo (11/02)

1 – Imperatriz do Jaraguá

2 – Caprichosos da Zona Sul

3 – Pavilhão 9

4 – Mocidade Amazonense

5 – Kacike da Vila

6 – União da Trindade

7 – Inajar de Souza

8 – Não empurra que é pior

 

Blocos Especiais –  local a definir  – Segunda-feira (12/02)

1 – Unidos do Palmares

2 – Unidos do Grajaú

3 – Garotos da Vila

4 – Chorões da tia Gê

5 – Vovó Bolão

6 – Caprichosos do Piqueri

7 – Mocidade Independente da Zona Leste

8- Unidos do Pé Grande